Campus do IFAL realiza I Encontro de Equideocultura do Sertão em parceria com a UAG/UFRPE

Equideocultura: parte da atividade humana que trata da criação de equídeos, ou seja, de cavalos. Esse tema tomará conta do Campus Santana nos dias 23 e 24 de agosto, com a primeira edição do Encontro de Equideocultura do Sertão Alagoano, evento realizado em parceria com a Unidade Acadêmica de Garanhus, pertencente à Universidade Federal Rural de Pernambuco – a UFRPE.

O evento explora uma área importante da atividade agropecuária do sertão de Alagoas e tem uma relevante relação com as atividades estudadas nos cursos subsequente e integrado em Agropecuária, ofertados no Campus. A cultura dos equídeos aparece de modo destacado na cultura da região, que tem na vaquejada um de seus ápices. Se além da questão cultural – já tão relevante – formos analisar a questão econômica do “esporte” dos nordestinos, poderemos notar a relevância da vaquejada para a economia local. A atividade é um negócio que movimenta mais de 600 milhões de reais por ano, com geração de 120 mil empregos diretos e mais de 600 mil indiretos, segundo dados da ABVAQ – Associação Brasileira de Vaquejada.

O I Encontro de Equideocultura do Sertão Alagoano atende, ainda, a um importante público que transcende os muros do Campus Santana. Alunos de instituições como a Universidade Estadual de Alagoas – UNEAL e a Universidade Federal de Alagoas – UFAL poderão participar do evento, bem como criadores, tratadores e demais profissionais da área, reforçando o compromisso do Campus com a melhoria da região, que possui bom número de haras onde os equídeos são criados.

A abertura oficial do evento ocorrerá no dia 23 de agosto, às 8 horas, com a palestra “Importância do Setor Equestre e principais atividades que o envolvem no Brasil”, ministrada pelo Msc. Diego Lima Gomes, Zootecnista da UFRPE. Serão aceitas 90 inscrições, sendo disponibilizadas 40 para o público externo; as demais são exclusivas para alunos do Campus Santana. Para se inscrever basta comparecer à Biblioteca do Ifal Santana, no período de 10 a 18 agosto, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Durante o evento, dois técnicos e dois egressos da Unidade Acadêmica de Garanhuns da UFRPE ministrarão palestras.